INEG/AL Fortalece AENNUFAL e Agenda de Estudos Sobre Movimento Rastafári em Alagoas

Nos dias 27 e 28 de novembro, o Instituto do Negro de Alagoas em parceria com a Associação de Estudantes Negros e Negras da UFAL, realizaram dois momentos de discussões a respeito de questões da comunidade negra. No primeiro deles foi debatida a necessidade de implantação de um sistema de cotas raciais nos programas de pós-graduação da UFAL, nos concursos públicos para docentes, assim como também cotas nas pesquisas desenvolvidas por esta instituição. A realização de tal debate no auditório do ICHCA possibilitou a participação de estudantes do curso de História, os quais se comprometeram em levar o debate a frente, fortalecendo a AENNUFAL naquele Instituto universitário.

No dia 28, o INEG/AL deu continuidades às discussões, desta vez, com a participação do Ras Sidney Rocha, da Associação Cultural Nova Flor, sediada em Salvador. Aqui, o Instituto pode propiciar mais um momento de debate sobre o movimento e cultura Rastafári aos estudantes da Universidade Federal de Alagoas. O Coordenador do Curso de História, Prof. Robertinho, também se fez presente, onde pode narrar a participação dele e de outras pessoas na consolidação dos estudos sobre o negro no Curso. Com isso, o INEG/AL dá prosseguimento ao desenvolvimento de uma agenda de estudos sobre Movimento Rastafári no estado de Alagoas, ampliando dessa forma, as possibilidades de abordagens de fenômenos originariamente negros no estado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s